O estouro da “bolha motivadora” camisa 10 e a derrota da seleção brasileira na copa 2014.

Joaquim Luiz Nogueira

De acordo com o livro “saiba como as motivações propiciam o sucesso pessoal”, as escolhas profissionais podem influenciar o sucesso e quando os 11 jogadores resolveram eleger a camisa 10 do companheiro ausente como objeto de admiração, pode não ter sido a melhor opção, pois “Nessa busca, criamos o termo “bolha imaginária”(NOGUEIRA,2013).
Quando escolhemos algo para nos guiarmos, o ideal que seja visões, cujas mensagens, transmitam inspirações de infinitas interpretações e não objetos limitados, como a incorporação de uma camisa10 no time. Veja o que diz o livro:

Admiramos cenas como o pôr do sol, as grandes quedas de água em forma de cachoeira, as nuvens, assim como o oceano visto do alto das montanhas ou as cidades observadas à noite na escuridão silenciosa do campo. Tais imagens nos fascinam ao irradiar mensagens de infinitas interpretações. (NOGUEIRA,2013).


Acima, podemos ver a imagem de dois líderes da equipe e o objeto que escolheram para inspirar suas ações, algo impossível e que deveria ser substituída pela bandeira do Brasil, pelo  retrato do povo brasileiro, então, eles seriam “capturados pelo mistério de tamanha beleza”.(NOGUEIRA,2013).
Quando os jogadores escolheram a "camisa 10" como objeto de inspiração, sem que ela estivesse nas ações seguintes, a “bolha” levou uns cinco minutos para estourar no início do jogo e assim que perceberam que não havia a camisa 10 em campo, um vazio ou uma angústia tomou conta de todos, pois “Na medida em que colocamos definitivamente em prática os objetivos ambicionados, isto é, tornarmo-nos semelhantes àquilo em que acreditamos” (NOGUEIRA, 2013) Mas, a realidade dizia, Não temos a camisa 10.
A derrota contra a Alemanha era uma possibilidade do jogo, porém, após a "bolha da camisa 10" estourar, logo após o início da partida na mente dos jogadores, “E, por causa da descrença entre ambos em ideais compartilhados, as bolhas imaginárias e encantadoras se enfraqueceram e deixaram transparecer uma realidade incômoda e desgastante de obrigações entre ambos” (NOGUEIRA, 2013).

Livro fonte:
http://www.autoresfree.com.br/saiba-como-motivacoes-propiciam-o-sucesso-pessoal 
Fonte imagens: UOL.com.br album 2014 

A Simbolização da Grandiosidade pelo Indivíduo

A Simbolização da Grandiosidade pelo Indivíduo  Joaquim Luiz Nogueira  A construção do Individuo pelo símbolo - Parte 5  Press...